4 de julho de 2007

pintura de Ton Schulten



Aos que deram uma espreitadela nestes postais: à Rosa, que instalou o blog como prenda do "Dia da Mãe", à Joana e aos meus Amigos que apoiaram, divulgaram e expressam o que lhes vai na alma, aos anónimos que deixaram os seus comentários nos postais, e a J., a causadora desta iniciativa e a única deste grande grupo que não deu uma espreitadela, por ainda os estar a receber,

Muito Obrigada!

Por todos vós, vou continuar sem timing, sem rumo.

6 comentários:

Raul Henriques disse...

Espero bem que continues.
O blogue é bonito.
As palavras que acompanham os postais, num tempo de venalidade e pessimismo, são positivas e optimistas.
Os postais, eles mesmos, são uma ideia original e bela. São incomuns na blogosfera.

Anónimo disse...

e vi um pequeno quintal bordado por ti, ali onde apenas havia
AMIZADE

SãoGens disse...

Sem rumo mas, como até aqui, sempre no encalço da beleza.

Anónimo disse...

Sem rumo sim, mas jamais à deriva.
Bem hajas.

Beijo

Maria

Anónimo disse...

prometido é devido e a vizinha veio dar mais uma espreitadela e recordar memórias...
pode continuar que cá virei para encher a alma...

luisa disse...

Bem hajas por esta mostra de postais que te vai na alma e no coração... consegues transmitir beleza, melancolia, humor...è bom ver-te atraves dos postais!
Luísa