10 de junho de 2008

capa de António Belchior
rosário e Raul Henriques, 2006
Não resisto.

Na Feira do Livro.
- Olá, Boa -tarde!
- Boa-tarde.
- Para?
- A rapariga dos postais .
- Oh! Irene?
- Rosário.
- Já agora aproveito para lhe dizer, que enquanto escrevi "O Rio das Flores", tive sempre um postal seu à minha frente, assim como uma frase do Chico Buarque.
(tenho pena de não ter retido a frase)
- A sério? Está-me a dar uma alegria!!
- O "Quero Mais".
- Esse postal deu-me imenso trabalho, a mim e ao meu amigo.
- Como? O postal não é seu?
- É, é. Só que não sei mexer em computadores. E já agora não quer escrever isso aí?


2 comentários:

Ana Lúcia disse...

aqui a testemunha da cena fica agradecida por ter sido testemunha :)

Anónimo disse...

Também eu, se soubesse trabalhar melhor com o computador, faria um postal com o título QUERO MAIS. E já agora, nunca pensaste que muitos de nós pensam que bem podias editar um livro com as tuas criações?.Eu, já! Beijo, manela